Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O verdadeiro dia da criança, sem criancices

por Inês Teotónio Pereira, em 01.06.09

No dia da criança os temas variam entre o Ruca, os insufláveis, as horas do conto, os gelados, o cinema e as pipocas, os presentes, enfim, as crianças e a sua diversão.

Neste dias, e porque o tema nunca poderá ser um lugar comum, não há muito espaço para tristezas, desgraças e histórias de vida que já raramente nos impressionam por culpa de tanto as ouvirmos. 

Mas é neste dia que as devemos ouvir, sempre mais do que uma vez. 

Ao  Carlos  Barbosa de Oliveira obrigado pelos textos fantásticos.

Se este dia é de alguém, é destas crianças e de milhões como elas. Porque as que saltam nos insufláveis, têm os dias todo do ano.

E isto não é um lugar comum.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:39



A Um Metro do Chão o mundo está cheio de pernas e tem de se olhar para cima para ver o céu - o que faz toda a diferença. O preto é mesmo preto e o branco é branco. As coisas são todas assustadoramente concretas e ninguém aceita argumentos, só respostas. Não é um mundo melhor, pior ou mais verdadeiro; é apenas diferente, apesar de ser o mesmo. Este blogue é sobre isso. E sobre uma coisinha ou outra que pode não ter nada a ver.

Autora

Inês Teotónio Pereira
iteotoniopereira@gmail.com
ver perfil

Livros da mãe






Seguir no Facebook


Pesquisar

  Pesquisar no Blog