Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Sábado no i

por Inês Teotónio Pereira, em 28.09.09

O Medina Carreira que há nos meus filhos.

 

Todos os dias pergunto a mesma coisa: "Então a escola, correu bem?", e todos os dias tenho a mesma resposta: "Correu." Tento sempre desenvolver o tema: "O que é que aprenderam?", mas sem sucesso: "Não me lembro." Mesmo assim, nunca desisto: "E o que é que fizeram?"; mas eles continuam: "Muitas coisas." Volto à carga: "Aprenderam o quê?", mas eles resistem: "Não me lembro." Recorro a uma manobra de diversão: "Brincaram?", só que eles percebem: "Sim." Faço uma última tentativa: "E o almoço?", mas sem resultado: "Já comi." Finalmente, grito: "Vão tomar banho!"
Esta semana desisti de fazer figura de Mário Crespo a entrevistar Medina Carreira e não perguntei nada. Nadinha. Nem um "então a escola correu tudo bem?"
Resultado: eles não se calam. Já sei com quem brincaram, onde e ao quê; sei quais os trabalhos que fizeram e os que vão fazer para a semana; sei tudo sobre a aula de Inglês e até consigo reproduzi-la em tempo real; sei mais sobre o andamento das obras na escola que o engenheiro encarregado da obra; sei quantos golos foram marcados em cada intervalo, por quem e como; sei de cor a ementa do mês e já vivi intensamente o drama da falta de papel higiénico na casa de banho dos rapazes.
É que agora eles contam quando lhes apetece e o que lhes apetece contar e já não respondem diariamente a uma sondagem à boca da escola. Acho que se devia experimentar o mesmo com Medina Carreira: é deixá-lo falar, sem perguntas parvas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:56


1 comentário

De Nuno Ventura a 30.09.2009 às 10:40

Boa ideia ! Vou experimentar hoje mesmo, uma vez que até agora as respostas e perguntas são exactamente iguais.

Comentar post



A Um Metro do Chão o mundo está cheio de pernas e tem de se olhar para cima para ver o céu - o que faz toda a diferença. O preto é mesmo preto e o branco é branco. As coisas são todas assustadoramente concretas e ninguém aceita argumentos, só respostas. Não é um mundo melhor, pior ou mais verdadeiro; é apenas diferente, apesar de ser o mesmo. Este blogue é sobre isso. E sobre uma coisinha ou outra que pode não ter nada a ver.

Autora

Inês Teotónio Pereira
iteotoniopereira@gmail.com
ver perfil

Livros da mãe






Seguir no Facebook


Pesquisar

  Pesquisar no Blog